Canal de atendimento atendimento@medaula.com.br
(31) 3245-5781 (31) 9 8882-9624
Rua Grão Pará, 737 Conjunto: 1101 - 11o andar, BH
CNPJ: 07.254.304/0001-24

FRATURAS DO RÁDIO DISTAL

17 de setembro, 2020

Definição de fraturas do rádio distal

São fraturas situadas dentro do quadrado de Hein na extremidade distal do rádio. Tal quadrado tem lado com comprimento traçado por uma linha que envolve a superfície articular do rádio e da ulna.

Epidemiologia das fraturas do rádio distal

                As fraturas do rádio distal correspondem a 10 a 20% das fraturas atendidas em serviços de emergência. A principal faixa etária acometida são pessoas acima de 35 anos, sendo que as mulheres são mais atingidas do que os homens, uma vez que apresentam uma incidência de 37 casos para cada 10 mil pessoas, contra 9 em 10 mil para os homens.

                Habitualmente, são decorrentes de traumas de baixa energia, mas quando a população afetada é a população jovem, os traumas de alta energia são os mais identificados . De maneira geral, podemos dizer que as fraturas do rádio distal apresentam um pico trimodal: crianças, homens adultos (geralmente por traumas de mais alta energia) e mulheres jovens.

                Existem alguns fatores de risco associados para essas fraturas, como osteoporose, sexo feminino e menopausa. Um detalhe importante relacionado a fraturas do rádio distal é que elas acontecem em indivíduos que têm reflexos preservados e eficientes, uma vez que ela é resultado de uma queda, em que o paciente, com a MÃO ESPALMADA, para proteger partes mais nobres do corpo, como o rosto, apoia sua mão contra o chão.

Mecanismo de trauma das fraturas do rádio distal

                As fraturas do rádio distal, de maneira geral, surgem após uma queda com a mão espalmada ao solo, com punho em flexão dorsal e pronação do antebraço. Essa flexão tem cerca de 40-90˚. Algumas variações no movimento, durante o mecanismo de trauma, podem levar a padrões distintos de fratura. Um desvio radial associado, por exemplo, pode levar a uma fratura da estiloide da ulna associada. Já um desvio ulnar associado pode levar a uma fratura do estiloide do rádio.

Fraturas do rádio distal ou do punho - Dr. Márcio Silveira


Quer ficar por dentro de todos os nossos conteúdos?